Top 12 pontos turísticos da Turquia

A Turquia é um destino muito intessante e singular porque agrega tantas opções diferentes e ricas com um cenário lindo. Você pode aproveitar praias, ruínas, paraísos naturais, lugares históricos e muito mais nesse país que é tão oriental quanto ocidental. Veja você mesmo nossa lista de Top 12 pontos turísticos da Turquia para aquecer sua viagem e tire as suas próprias conclusões!

#12 – As ruínas de Ani, um pedaço da Armênia na Turquia

Pontos turísticos da Turquia, posição 12. Ani, também conhecida como a “Cidade das 1000 Igrejas”, está localizada na província de Kars, nas proximidades da fronteira com a Armênia, foi a capital do reino armênio entre 961AD e 1045 AD e foi habitada por até 100 mil pessoas. A cidade se beneficiou bastante da antiga rota de comércio  internacional e, assim, prosperou imensamente, o que ainda pode ser visto atualmente em sua arquitetura e arte. Os tempos de glória de Ani chegaram ao fim com a invasão mongol no século XIV, que a saquearam. Depois, os terremotos acabaram de vez com a cidade, obrigando seus habitantes a abadoná-la.

Quem visita Ani encontra um lugar singular recheado de histórias, invasões, terremotos e vandalismo. A cidade passou muito tempo esquecida, mas ganhou o estatuto de patrimônio mundial ameaçado de extinção, e em 2011 uma série de restaurações começaram a ser feitas. Um de seus principais pontos é a Igreja do Cristo Redentor, que possui uma rachadura no meio, causada por um relâmpago.

#11 – Mosteiro de Sumela

Pontos turísticos da Turquia, posição 11. O Mosteiro de Sumela, cujo nome oficial é Mosteiro Ortodoxo Grego da Virgem Maria, é umas das principais atrações nas mediações do Mar Negro. Situado no alto de uma montanha cercada por uma floresta de pinheiros, ele é um símbolo de religiosidade e história. Construído em 395 DC, era ali que muitos monges recebiam educação teológica. Ele passou por algumas reformas e a forma atual foi adquirida no século XIII. O mosteiro continuou em atividade até o século XIX, mas com a invasão russa e com o Tratado de Laussane, em 1923, que definiria as fronteiras atuais da Turquia, trocando, assim, as populações gregas e turcas, o mosteiro foi abandonado. Felizmente, ele foi transformado em museu e atualmente convida diversos visitantes do mundo todo e oferece uma vista deslumbrante para a floresta e riachos.

Se você quiser se preparar para uma visita, este é um ótimo momento, pois o mosteiro passou por uma grande reforma. ele estava fechado desde 2015, mas foi reaberto em maio de 2019. Portanto, você encontrará um lugar renovado. Ah, e prepare suas pernas, pois é possível ir até certo ponto de carro, mas depois você vai precisar terminar o percurso a pé.

#10 – Passeio de barco pelo Estreito de Bósforo

Pontos turísticos da Turquia, posição 10. Istambul é uma cidade fascinante em muitos sentidos e curiosidades. Uma delas é que ela é a única cidade no mundo situada em dois continentes ao mesmo tempo. Portanto, de um lado está a Europa e do outro a Ásia. Essa divisão acontece exatamente no Estreito de Bósforo, o canal que passa no meio da cidade, ligando o Mar de Mármara ao Mar Negro. Um passeio de barco no canal é realmente indispensável e um dos mais agradáveis que você pode ter. Você vai ter uma visão de belos pontos turísticos que estão nos arredores, como a Mesquita Suleymaniye e os palácios de Ciragan e Bylerbeyi.

Há várias empresas que oferecem o passeio, mas ao reservar o seu pacote turístico com a Egypt Tour Plus, muito provavelmente ele já estará incluído. Caso não, não se esqueça de que você tem toda a liberdade para customizar a sua viagem e fazer as alterações que preferir, incluindo, assim, os passeios que mais lhe agradar.

#9 – As estátuas gigantes do Monte Nemrut

Pontos turísticos da Turquia, posição 9. O Monte Nemrut é um ponto turístico muito popular e responsável por um visual muito belo, especialmente ao nascer ou pôr do sol, ou até mesmo em um dia chuvoso e frio, pois dá um ar misterioso às gigantescas estátuas do local. Declarado Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, ele está localizado a cerca de 750km de Ancara e é um mausoléu do período helenístico.

O rei Antíoco de Comagena (cerca de entre 86AC – 38 AC) mandou erguer um santuário religioso no ponto mais alto da região para ser seu local de sepultamento numa tentativa de assemelhação com os deuses persas e e gregos. Nenhum corpo foi jamais encontrado e a ação do tempo fez com que as cabeças caíssem das estátuas de pedra; em um nível um pouco abaixo dos corpos, lá estão elas, formando um sítio arqueológico em torno do monte. Você pode fazer boa parte do percurso de carro e os últimos metros a pé.

 #8 – A fantástica Mesquita Azul

Pontos turísticos da Turquia, posição 8. A bela e imponente Mesquita Azul, também chamada de Mesquita do Sultão Ahmed, é a mesquita mais importante de Istambul. Ela foi construída por Ahmed I entre 1606 e 1616 e é considerada uma obra-prima. Seu interior é rodeado por uma galeria com 26 colunas e 30 cúpulas e ela possui três entradas (duas laterais e uma pelo pátio interno). Sua enorme e bela cúpula principal possui impessionantes 43 metros de altura e 23 metros de diâmetro. As paredes internas foram decoradas com azulejos azuis (são mais de 20 mil em 70 estilos diferentes) e o chão é coberto por tapetes. No pátio, o chão é coberto por mámore da Ilha de Mármara e ele é tão grande quanto o interior da mesquita.

A Mesquita Azul está localizada bem próxima à Basílica de Santa Sofia, então ao fazer o passeio em uma você pode facilmente se dirigir à outra.

#7 – Conhecer as cidades subterrâneas

Pontos turísticos da Turquia, posição 7. Um das atrações turísticas mais interessantes e diferentes que a Turquia tem a oferecer certamente é a oportunidade de visitar uma cidade subterrânea. Existem muitas delas e só na Capadócia são mais de 100, de acordo com arqueólogos, mas só 36 estão abertas. Essas cidades, construídas nos séculos VI e VI foram fundadas para que as pessoas encontrasem refúgio por conta da perseguição.

Derinkuyu é uma das maiores do mundo e já foi habitada por cerca de 20 mil pessoas; acredita-se que tenha sido criada por povos indo-europeus antes de Cristo (mas outras teorias acreditam que ela seja mais recente). A população a teria usado em diversos momentos, tanto para cristãos perseguidos pelo império romano quanto para refúgio de muçulmanos durante guerras do período bizantino. Derinkuyu é inclusive conectada a outras cidades subterrâneas por meio de túneis e possui profundidade de mais de 250 pés (85 metros) distribuída entre oito andares abaixo do solo, mas a visitação só é permitida nos quatro primeiros.

É um passeio incrível, mas se você sofrer de clautrofobia, talvez não seja a melhor das ideias. Uma das melhores formas de visitar Derinkuyu é adquirindo um pacote turístico. Nos nossos pacotes para a Turquia, você também conta com guias de turismo, portanto, nenhuma informação durante o passeio é perdida.

#6 – Palácio de Topkapi

Pontos turísticos da Turquia, posição 6. Quer saber como os sultões otomanos viveram? Pois o Palácio de Topkapi lhe dará uma ideia. Parada obrigatória em Istambul, você precisa reservar metade do seu dia para visitar esse lugar de 700 mil metros quadrados.

O palácio foi construído logo depois que Maomé II conquistou Constantinopla. Inaugurado em 1495, ele conta com quatro pátios e vários compartimentos interiores – é aconselhável que você comece o passeio visitando os mais famosos, pois eles tendem a ficam cheios. São eles: o Tesouro e o Harém. O Tesouro exibe jóias valiosíssimas, como um diamante de 88 quilates que pertenceu à mãe de Napoleão Bonaparte e a adaga de Topkapi, que é a arma mais valiosa do mundo, feita de ouro e esmeraldas incrustadas. O Harém, por sua vez, é onde viviam o sultão, sua família e de 500 a 800 mulheres e concubinas que faziam parte do harém. Para visitar essa parte, porém, você vai precisar de um bilhete extra.

No mesmo local, não deixe de visitar o Salão Imperial, os Pavilhões Gêmeos, o Museu Arqueológico e a Sala de Jantar de Ahmet III.

#5 – Piscinas termais de Pamukkale

Pontos turísticos da Turquia, posição 5. E quando a gente pensa que a natureza não pode ser mais perfeita, ela vem e nos surpreende com mais visões magníficas e de tirar o fôlego! Pamukkale está próximo a Denizli e significa ‘Castelo de Algodão’. Trata-se de uma cadeia de montanhas calcárias com terraços de águas termais azuis. A água desce das colinas em forte cascata, portanto, algumas piscinas podem ser bem quentes e outras nem tanto (as temperaturas variam entre 35ºC a 100ºC). Algumas estão liberadas para pôr os pés e ao entrar no parque você precisa tirar os sapatos por questões de preservação do local.

E já que você vai estar por lá, vale a pena andar um pouco mais e visitar as ruínas de Hierópolis, pois elas estão em ótimo estado de conservação e a magnitude das construções impressiona. Enquanto estiver na parte de cima das montanhas, se não quiser ficar passando vontade por não ser permitido banhar-se nas piscinas termais, há uma entretanto que você pode e que vale a pena: a Piscina de Cleópatra. Uma coisa legal é que alguns pilares desmoronaram dentro dela e simplesmente foram deixados lá, então você pode se divertir nadando por cima deles.

#4 – Passeio de balão na Capadócia

Pontos turísticos da Turquia, posição 4. A Capadócia é uma região no centro da Turquia, a cerca de 700km de Istambul, e parece ter saído de um cenário de cinema. Ela é conhecida como a Lua na Terra, pois suas características de relevo lembram a paisagem lunar. Para contemplar toda a magnitude desse lugar, só do alto mesmo. No amanhecer, a paisagem é de tirar o fôlego, e o momento ideal para fazer os famosos passeios de balão, que cobrem o céu e resultam num visual incrível. É um clichê? É, mas não fazê-lo é como ir a um lugar famosos e não experimentar a sua marca registrada. São dezenas deles no ar ao mesmo tempo. Mas prepare-se para acordar cedo se essa for a sua única chance. Os passeios só podem ser feitos no raiar no dia por causa das condições do vento favoráveis apenas durante esse período. Ah, uma dica importante é ficar atento à época do ano que você está fazendo sua viagem, pois durante o inverno é mais difícil para os balões levantarem voo.

#3 – Parque Nacional de Göreme

Pontos turísticos da Turquia, posição 3. Ao visitar a Capadócia, um dos pontos que não podem ficar de fora do seu passeio é uma visita ao Parque Nacional de Göreme, popularmente conhecido como um museu a céu aberto, localizado na cidade de mesmo nome. É difícil explicar, mas suas formações rochosas realmente estão entre as mais diferentes que você vai ver na vida; uma mistura de rochas esculpidas pelas explosões de vulcões e tufos de calcário.  Em alguns pontos, esses tufos são mais recentes e sofreram menor ação da erosão do que suas partes mais antigas e depositadas, portanto, abaixo. Assim, muitas das formas lembram chaminés de fadas, aspárgos e alguns animais. Outro ponto é que há vários tons de coloração na geologia do parque, que vão do verde ao vermelho e do marrom ao branco.

Mas não somente de fatores naturais é composta a beleza do parque, que também conta com a ação do homem. Os antigos habitantes da região preferiram beneficiar-se dessas formações e a partir delas fizeram suas casas e até igrejas. Por volta do século XI acredita-se que já haviam cerca de 3 mil igrejas e mosteiros esculpidos nas pedras da Capadócia. Alguns dos trabalhos dos monges estão em ótimo estado de conservação e podem ser visitados.

Nos arredores, também vale a pena fazer uma caminhada nos belos vales. Algumas sugestões: Love Valley, Rose Valley, Red Valley, Zemi Valley, Kiliçlar Vadisi e Pegeon Valley, mas há muitos outros. E se você for se hospedar no local, vale muito a pena escolher um dos hotéis-cavernas, assim você faz uma viagem no tempo, imaginando como era morar ali há séculos atrás, e ainda torna a sua própria hospedagem uma experiência muito bacana. Consulte um de nossos representantes para saber mais e garantir a oportunidade na sua reserva.

#2 – Ruínas de Éfeso

Pontos turísticos da Turquia, posição 2. Imagine uma cidade que abrigou ate 400 mil pessoas muitos séculos antes de Cristo. Pois assim foi na incrível cidade de Éfesos, e suas ruínas estão em tão bom estado que este lugar é um dos mais visitados da Turquia. Não se sabe ao certo por que a cidade surgiu, mas ela era a mais importante depois de Roma durante o império!

Suas ruínas são as mais bem preservadas da Turquia e, ainda assim, apenas 20% pôde ser escavada até agora. Mas não pense que isso é pouco! São magníficas as atrações que Éfeso oferece, como ruas de mármore, templos, um anfiteatro romano para 24 mil espectadores, a Rua Curetes, Fonte Trajano e Bliblioteca de Celso (em homenagem ao governador romano Tiberius Julius Celsius, que está enterrado lá), apenas para citar alguns pontos. Por fim, mas não menos importante, estão as ruínas do Templo de Ártemis, que é considerado uma das sete maravilhas do mundo antigo. Dá para se ter uma ideia do quão grandioso esse templo deve ter sido, pois era composto por 127 colunas de mármore, cada uma com 20 metros de altura! Uma conseguiu resistir aos terremotos e tempo, e ainda está de pé.

#1 – Basílica de Santa Sofia

Pontos turísticos da Turquia, posição 1. A Basílica de Santa Sofia, também conhecida como Hagia Sofia, é considerada uma das construções mais belas do mundo e patrimônio mundial pela UNESCO. Mas ela não é só bela, como tem uma história fascinante. Visitar esse lugar é uma viagem ao tempo. Ela foi reconstruída ao menos três vezes, sendo a primeira em 360 AC a mando do imperador Constantinius e a última pela imperador Justiniano, entre 527 AC e 565 AC. Ao longo dos séculos, a Santa Sofia serviu de igreja, mesquita e basílica, sendo hoje um verdadeiro museu com riquezas de todas as influências pelas quais passou em seu interior, como diversas peças em mármore e mozaicos bizantinos. O local também é o lar da tumba do duque veneziano Enrique Dandolo, que morreu na então Constantinopla, em 1205.

Do lado de fora, sua cúpula chama a atenção, tanto pelo tamanho (30m de diâmetro acompanhados por quatro torres finas) quanto pela localização, já que a basílica está no ponto mais alto de Istambul, sendo bastante notável.

*****

Curtiu o nosso Top 12? Acredite: ainda tem muito mais atrações turísticas da Turquia, que é um lugar fascinante que mistura elementos orientais e ocidentais, influências greco-romanas, religião cristã e muçulmana, o antigo e o moderno. Mas já dá pra sentir um gostinho com esses pontos turísticos! Quer saber mais? Entre em contato conosco! Verifique os nossos pacotes para a Turquia ou monte o seu próprio. Esse país fascinante espera por você!

Top 9 pacotes para Turquia