Mênfis, Egito

Mênfis, Egito foi a capital do reino durante o antigo reinado e está localizada a cerca de 20km ao sul do Cairo. Muitos historiadores acreditam que a cidade foi fundada pelo primeiro faraó da primeira dinastia, e mais tarde tornou-se a capital do Egito quando já unificado, portanto, Mênfis teria cerca de 5 mil anos.

Statue of Ramses II in Memphis, Egypt

Estátua de Ramsés II em Mênfis, Egito

Estudos arqueológicos mostram que a cidade se estendia por aproximadamente dezenove milhas ao longo do lado oeste do Nilo, e apesar desses números não parecerem muito hoje em dia, eles mostram o quão grande era a cidade em comparação com outras da mesma época.

Um pouco da história de Mênfis, Egito

A cidade de Mênfis, Egito permaneceu como capital do império por muito tempo, séculos, alías; ela era o centro político e administrativo e conhecida como a “balança das duas terras”, pois estava localizada entre o alto e o baixo Egito.

Além de capital, Mênfis era vista como um lugar sagrado, servindo como centro para o culto do deus ‘Ptah’. Ainda hoje, os restos de um templo de Ptah pode ser visto. Por conta de Ptah ser o deus patrono das artes e dos artesãos, Mênfis era muito famosa pelo trabalho artístico de seus oleiros. As oficinas e o porto tiveram uma grande influência no desenvolvimento da cidade. Ainda assim, em relação a transportes, nem camelos nem cavalos eram utilizados, portanto, ao precisar transportar materias pesados que nem homens ou asnos pudessem fazê-lo, usava-se trenós.

Por volta de 2.240 a.C., Tebas (atualmente Luxor) passou a ser a capital do Egito. Alguns séculos mais tarde, com a fundação de Alexandria, a importância de Mênfis começou a diminuir, até a cidade ser abandonada em 641. Seus restos foram usados na construção do Cairo.

Mesmo assim, Mênfis ainda segura um pouco do que um dia foi, e esse vestígio de glória merece uma visita para entender um pouquinho mais sobre o que foi o Egito Antigo, ainda que realmente uma visita rápida seja o suficiente para ver tudo. Devido à proximidade com Saqqara, faz sentido um passeio combinado.

Mênfis atualmente

Muito pouco restou à Mênfis, e hoje ela é considerada um museu a céu aberto. Definitivamente, o que mais vale a pena ver é a estátua monumental de Ramsés II. Apesar de faltarem as duas pernas, a estátua Colossos de Ramsés II mede impressionantes 13 metros de altura e é bem detalhada.

Depois dos Colossos de Ramsés II, o próximo ponto que vale a pena ver é a Esfinge de Alabastro. Essa esfinge de 4 metros de altura e 7 metros de comprimento foi esculpida a partir de uma única peça de alabastro  e peça 80 toneladas! Alguns especialistas acreditam que ela é a representação da rainha-faraó Hatshepsut.

Além disso, e dos restos do templo de Ptah, mencionado anteriormente, Mênfis oferece uma necrópole que vistantes podem explorar.

O combo Mênfis, Saqqara e Pirâmides de Gizé

Tanto a necrópole de Gizé quanto a de Saqqara são próximas à Mênfis, então ao fazer sua viagem ao Egito, é possível que você queira combinar a visita aos três lugares em um combo. Nós oferecemos essa opção em um passeio de um dia, que é popular entre turistas. De qualquer forma, muitos dos nosso pacotes para o Egito já a incluem.

O Egito é mesmo fascinante! E quanto mais você lê sobre ele, mais vê que tem muito a ser explorado – e quiçá descoberto por arqueologistas! Portanto, quaisquer que seja o foco da sua visita, você não vai se decepcionar. Somos uma agência experiente, que oferece pacotes guiados e que carrega quase 60 anos de experiência no ramo. SIm, há quase 60 anos esse lugar nos encanta. Vamos explorá-lo juntos?

Viagens para o Egito